Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Porque não dissemos nada.

Terça-feira, 26.11.19

                             Lobo.png

“Na primeira noite eles aproximam-se

E colhem uma flor de nosso jardim.

E não dizemos nada.

Na segunda noite já não se escondem,

Pisam as flores, matam o nosso cão.

E não dizemos nada.

Até que um dia, o mais frágil deles,

entra sozinho em nossa casa, rouba-nos a lua

e, conhecendo o nosso medo,

arranca-nos a voz da garganta.

E porque não dissemos nada,

Já não podemos dizer nada.”

Maiakovski, poeta russo, “suicidado” após a revolução de Lenin.

                                     Joker.jpg

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado por Alea às 12:19


Comentar:

Mais

Comentar via SAPO Blogs

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.